Aconteceu (12 à 15.05.2018), por Fernando Lopes | Jockey Club Brasileiro

Aconteceu (12 à 15.05.2018), por Fernando Lopes

Aconteceu… 

SÁBADO (12.05.2018) 

reuniao12052018 (13)Famous Italian deixou o perdedor em grande estilo. De ponta a ponta e sem dar impressão de perder em parte alguma do percurso, o castanho do Stud Palura deu um verdadeiro galope de saúde. Direção serena de Bruno Queiroz no pupilo do genial Roberto Morgado Jr. Segundo colocado, Johnny Blue ainda tentou desalojar o ponteiro, mas totalmente sem sucesso.

reuniao12052018 (22)Estreando em claiming bastante desfalcado, Force Of One repetiu a fórmula de Famous Italian na carreira de abertura e emplacou um de bandeira a bandeira o melhor. Marcelo Gonçalves esperou ao máximo para dar a partida, mas nos 200 metros finais, quando acionou seu conduzido, o castanho do Haras Rio Iguassu, da Família Pelanda, saiu tirando, vencendo fácil. Jairo Borges apresentou com precisão o ganhador. The Big Tiger, desde a largada, foi o segundo colocado com Isogai em terceiro.

reuniao12052018 (32)Na terceira vitória do dia , de ponta a ponta, Super Bold teve sempre a incomoda presença do favorito Fusaich Pegasus em seu encalço. Porém, resistiu com sobras, vencendo firme. Marcelo Almeida esteve perfeito na condução do ganhador e no ritmo do train de carreira. Apresentação nota 10 desse craque que é Edson Ricardo no potro do Stud Santa Tereza.

reuniao12052018 (42)Com sua companheira de cocheira, Fanciful, dando caça à favorita Silence Is Gold durante todo percurso, Easiest Way atropelou com força para levantar o Grande Prêmio Henrique de Toledo Lara (G3). A carreira, um trial para o GP Roberto e Nelson Grimaldi Seabra (G1), o Brasil das éguas, foi realizada em 2.000 metros, pista de grama leve e um dos destaques da reunião deste sábado, 12 de maio, no Hipódromo da Gávea.

Na hora da verdade, Fanciful passou de golpe parta a primeira colocação e abriu dois corpos. Easiest Way melhorou francamente e igualou a linha de Silence Is Gold. Na tocada certeira de Valdinei Gil, Easiest Way embalou forte e dominou a situação. Reacionando e mostrando valentia, Silence Is Gold voltou para cima das rivais e ficou com o segundo posto. Per-Piacere veio do fundo do lote para tomar o terceiro de Fanciful. Quimica Quantica fechou o marcador.

reuniao12052018 (62)Muitíssimo bem apresentada por Christiano Oliveira, Easieste Way, a mais velha do lote, única 4 anos, é uma filha de Adriano e Smile Jenny, por Wild Event, de criação e propriedade do Haras Santa Maria de Araras. Na sua sexta vitória, a quarta nobre – GP Riboletta (G3) eClássicos Riboletta e Antonio Carlos Amorim -, em 11 saídas, Easiest Way parou os cronômetros em 1min59s68.

reuniao12052018 (65)Mostrando progressos a cada performance e já perfeitamente aclimatado ao quilômetro, Essential Lord atropelou com disposição para levar a melhor no Grande Prêmio Hipódromo da Gávea (G3). A prova, uma preparatória para o GP Major Suckow (G1), foi um dos destaques da jornada deste sábado12 de maio, no Jockey Club Brasileiro.

Em plena reta final, Efetivo Bull resistia vários ataques e mantinha a primeira colocação. Voando Sorrindo começava a melhorar pela linha seis, sete. Entretanto, com grande ação e sem levar uma chicotada, trazida com perfeição por Muriel Silva Machado, Essential Lord embalou pelo meio de raia e passou um a um dos seus rivais, sem luta, para ganhar firme e mostrar força rumo ao Suckow. Voando Sorrindo, esbanjando regularidade, finalizou em segundo. Efetivo Bull fez boa estreia na esfera nobre e conseguiu a terceira colocação. Luna Balluna e Kapoor fecharam o placar remunerado.

reuniao12052018 (80)Trazido do CT Vale do Marmelo em forma espetacular por Luiz Esteves (treinador dos três primeiros colocados), Essential Lord é um 3 anos, filho de Dubai Dust eQueen Brigit, por Roi Normand, de criação e propriedade do Haras Nacional & Haras Nijú. Na sua quarta vitória, a primeira nobre, Essential Lord cobriu o quilômetro em 55s69.

reuniao12052018 (87)De ponta a ponta, ostentando ótima forma, Olimpo mostrou força rumo ao GP Brasil (G1) com o triunfo no trial para a prova magna do turfe nacional, o tradicional Grande Prêmio Doutor Frontin (G2). A carreira, uma das principais da jornada deste sábado, 12 de maio, no Hipódromo da Gávea, foi disputada em 2.400 metrosgrama leve.

Na hora da verdade, Olimpo entrou na frente, absoluto. Quando Vagner Borges exigiu de seu conduzido, Olimpo correspondeu plenamente e abriu luz para o disco, vencendo firme e demonstrando que será um osso duro de roer no Brasil. Numba Juan e Jaspion Silente disputaram a dupla, com vantagem para o animal do Haras Doce Vale. Quiron e Quarteto de Cordas completaram o placar remunerado.

reuniao12052018 (101)Preparado no CT Vale da Boa Esperança, em Itaipava, pelo consagrado Dulcino Guignoni, Olimpo é um 3 anos, filho de Redattore e Op Colony, por New Colony, de criação e propriedade para o modelar Haras São José da Serra. Na sua quarta vitória, a segunda nobre – a outra no GP Francisco Eduardo de Paula Machado (G1) -, Olimpo cobriu a milha e meia em 2min28s43.

reuniao12052018 (104)Invader, do Stud Estelinha , atropelou forte para derrotar, com autoridade, os seus adversários nos 1.600 metrosgrama leve, do Clássico Luiz Rigoni (L.). A prova, em homenagem a um dos maiores jóqueis de todos os tempos do turfe nacional, foi uma preparatória para o GP Presidente da República – carreira ganha por Invader em 2015 – e das principais atrações da reunião deste sábado12 de junho, no Hipódromo da Gávea.

No momento da decisão. Tiro Ao Alvo resistiu a vários ataq1ues, pois Knowledge, Gargalo’s Hill’s, For You Too e Juan Manuel Fangio deram fila de vir brigar pela ponta. Porém, embalado, mesmo atirando-se para dentro e dando trabalho a Ângelo Márcio Souza, Invader superou um a um dos seus adversários e cruzou o espelho com 3 ½ corpos de vantagem sobre o segundo colocado, Knowledge. Guaruman, Tiro Ao Alvo e Kusko Cat completaram o placar.

reuniao12052018 (115)No capricho do líder Roberto Solanés, Invader é um 5 anos, filho de Red Rock Canyon e Navirai, por Know Heights, criado pelo Haras La Madres e defensor do Stud Estelinha. Na sua oitava vitória – sendo esta a quinta nobre (GGPPs Presidente da República (G1) e Gervásio Seabra (G2|) e o bicampeonato do Clássico Barão e Baronesa Von Leithner (L.) – , Invader percorreu a milha em 1min32s73.

reuniao12052018 (122)Melhor papel do páreo, Belle Meuniére teve de contar com todo rigor de Waldomiro Blandi para superar sua companheira de CT, Querida Olimpica por diferença mínima no espelho. J’Adore veio junto com Belle Meuniere, mas fez manhas e acabou sobrando para o terceiro posto. Preparo do líder Roberto Solanés na potranca do Haras Interlagos Ltda.

reuniao12052018 (129)Royal Class e Olympic Gameboy, após passarem por El Explosivo, que fez o ritmo da carreira desde a largada, fizeram mano a mano durante boa parte da reta. Olympic Gameboy chegou a dominar o poderoso rival, mas na importante descarga de três quilos do aprendiz Bruno Queiroz, Royal Class reacionou por dentro e venceu bela carreira para a vitoriosa farda do Stud Nova República. O ganhador correu sob a responsabilidade de G.Coelho (2º Gerente de Daniel Peres).

reuniao12052018 (137)O train aceso de Pirata Inglês e Separatista foi vigiado de perto por Umbelievable. Na reta, acionado por Carlos Lavor, pela linha três, quatro, o cavalo do Haras do Morro tomou conta da situação e, apesar de vários competidores darem fila de vir brigar, primeiro no disco o pupilo de Zenilton Barbosa. Hit Hard ficou com a segunda colocação na carreira final da sabatina carioca. 

DOMINGO (13.05.2018)

reuniao13052018 (5)Dear Fiji e Clara fizeram o ritmo inicial, uma sem dar folga para a outra. Nos 300 metros finais, os cinco competidores estavam praticamente emparelhados e dando pinta de que poderiam prevalecer. No final, pequena vantagem para Una Fortaleza sobre O Garbo e Clara. Mais uma boa direção de Anderson Paiva, que segue sem desperdiçar boas oportunidades, na égua treinada por Mauro Teixeira Costa e de propriedade para a vitoriosa farda azul e ouro de Roberto Valdemir de Aguiar da Costa.

reuniao13052018 (19)Ghoul venceu e impressionou. Após estreia promissora, na qual mostrou ainda estar um pouco “bobo”, o potro do Stud Verde voltou de sirene ligada, passou de passagem por seus adversários e deixou o segundo colocado, Joe Halo, 5 ½ corpos atrás, o que em provas de tiro curto não é simples. Treinamento perfeito de Luiz Esteves e direção especial do líder Vagner Borges. Gogo Boy desta feita correu menos, tirando terceiro, porém sem dar pinta de vir brigar pela vitória em parte alguma do percurso. Segundo seu treinador, o castanho do Stud Pedudu deve ser inscrito na areia (terreno em que produz ótimos matinais) em sua próxima atuação.

reuniao13052018 (36)Mostrando ótima adaptação ao gramado, Luanda Light saiu dos boxes com o acelerador no fundo, mandou e desmandou na carreira e não se deixou alcançar, vencendo firme. Mais uma vez, Vagner Borges esteve impecável na condução da potranca de Lisani Celi Nichele da Rocha, treinada por Adelcio Menegolo no CT Lost Love, em Friburgo. Em boa estreia, participando da carreira desde a partida, Calça de Veludo ficou com a segunda colocação. Favorita, a raçuda Garnissage, do Haras Santa Maria de Araras, conquistou discreto quarto lugar.

reuniao13052018 (45)Atuando pela primeira vez no gramado, Senhora Sonhadora não deu chance de suas adversárias tentarem o primeiro lugar em parte alguma dos 1.000 metros da competição. A alazã do Stud By Winner’s ponteou com folga e chegou ao disco na frente. Entrosamento excelente da dupla Rodrigo Salgado e Fabio A. Soares. Final Edition e Louca Brincadeira chegaram a seguir.

reuniao13052018 (56)Falcon Ruler agradeceu o Lasix e o peso pluma de Waldomiro Blandi para largar e acabar, conseguindo seu primeiro êxito na pista verde. Preparo no capricho de Julio Cezar Sampaio no castanho do Stud Araré, de Francesco Carnevale. Hard Trick tentou incomodar o ganhador, mas teve de contentar-se com a dupla. Karisco chegou a dar fila, mas atirou-se demais para dentro. Paint Naif não atropelou como de costume (após o páreo o S.V do JCB informou que o cavalo do Stud São Francisco da Serra teve hemiplegia grau IV).

reuniao13052018 (62)Esateza fez questão da dianteira logo após a largada. As favoritas Excused Absence e Desejada Dream lutavam pelo segundo posto, aparentemente uma correndo pela outra. Na reta, acionada por Carlos Lavor, Esateza manteve-se no primeiro lugar, ganhando bem. Boa apresentação de Bruno Ulloa na defensora da farda vascaína do Comendador Elói de Souza Ferreira. Excused Absence formou a dupla.

reuniao13052018 (70)Olympic Gstaad vinha de derrota chorada para égua superior e aparecia como o melhor papel do páreo. Trazida na hora certa por Rodrigo Salgado, Olympic Gstaad proporcionou a segunda vitória na jornada para o Stud By Winners. Em outra oportunidade, Fábio A. Soares brilhou no preparo da primeira colocada. Kalamitie ficou com o segundo lugar.

reuniao13052018 (80)Em final dos mais disputados, Fija Roja livrou pequena vantagem sobre Energia Espacial e Carmine. Carmine pareceu a vencedora durante boa parte da reta. Energia Espacial ficou encaixotada no começo da reta e não conseguiu embalar em tempo para ser a primeira colocada. Direção enérgica de Marcelo Gonçalves (substituindo Valdinei Gil) na potranca do Haras Santa Maria de Araras, treinada por Christiano Oliveira. Energia Espacial e Carmine chegaram segundo e terceiro, respectivamente. 

SEGUNDA-FEIRA (14.05.2018)

REUNIAO14052018 (1)Punta entrou na reta nas últimas colocações, mas quando engrenou aberta, não permitiu reação às suas adversárias, vencendo com facilidade. Ótima direção de Marcelo Gonçalves na égua do Stud Cozumel, preparada por Jaime Moniz Barreto de Aragão. Olympic Fencing, a favorita, que chegou a dominar na entrada da reta e ficou na segunda posição.

REUNIAO14052018 (14)Reaparecendo totalmente desenturmado, no capricho absoluto de Marcus Aurélio, Dolce Gusto superou seus rivais, em final apertado. Vários competidores ameaçaram vencer, mas coube ao animal do Stud Juliana e Luiz Guilherme a primeira colocação, em ótima direção de Waldomiro Blandi. Sempre pela cerca interna, o regular Estrangeiro formou a dupla. Favorito, Energia Important rendeu bem abaixo do que pode.

REUNIAO14052018 (21)Novamente pela variante e aproveitando o ritmo intenso da primeira parte do percurso, Facon atropelou com disposição para conseguir sua segunda vitória, em três saídas. Leandro Henrique mostrou a conhecida competência na condução do potro do Haras Sweet Carol, treinado por Adélcio Menegolo. Isla Vista ponteou desde a largada e somente entregou-se nos 150 metros decisivos. 

REUNIAO14052018 (27)Em final dos mais disputados, do primeiro ao quarto colocado menos de dois corpos, Montparnasse e Desejo Ousado empataram na primeira colocação da Prova Especial Gualicho – 2ª Etapa da Taça Quati. A carreira, que celebra o único bicampeão dos GGPPs Brasil e São Paulo foi a maior atração da noturna desta segunda-feira14 de maio, no Hipódromo da Gávea, e realizada em 2.800 metros, pista de grama macia.

Em plena reta final, Tallin rapidamente partiu para cima de Filho de Campeão que tentou resistir o quanto pode. Porém, Tallin dominou e não tirou. Aberto e com ótima ação, Montparnasse veio passando um a um dos seus rivais. Desejo Ousado embalou na mesma hora que o rival e os dois começaram a decidir a sorte do páreo. Em luta titânica, Montparnasse e Desejo Ousado chegaram ao disco perfeitamente emparelhados e, apesar de Vagner Borges ter cruzado o disco comemorando, nem mesmo o photochart foi capaz de identificar uma vantagem para um dos dois competidores. Empate entre Montparnasse e Desejo Ousado. Ponto na estatística para o líder, Vagner Borges, e para o terceiro, Valdinei Gil. Filho de Campeão, Tallin e Matheus Julio completaram o marcador.

REUNIAO14052018 (30)Treinado no CT Vale da Boa Esperança por Dulcino Guignoni, único 3 anos do páreo, Montparnasse é um filho de Dubai Dust e Queen Desejada, por Know Heights, criação do Stud TNT e defensor do Stud Globo e conquistou a segunda vitória em sua campanha.

Preparado por Venâncio Nahid no CT Vale do Itajara, Desejo Ousado é um 5 anos, filho de Shirocco e Tarry Town, por Wild Event, criado pelo Haras Santa Maria de Araras, de propriedade do Stud Ni Wanango e ganhador, agora, de seis carreiras.

REUNIAO14052018 (33)Os ganhadores pararam os cronômetros em 2min55s15.

REUNIAO14052018 (48)Mais veloz do lote, mesmo incomodado por Panamá, desde a largada, Honor Code largou e tocou o hino. Bernardo Pinheiro, em presente de aniversário atrasado (aniversariou no domingo) esteve perfeito na direção do cavalo de Reynaldo Reuters, treinado por Jaime Moniz Barreto de Aragão. Dupla com o manhoso Handler. Kane chegou quarto e não demora a vencer nesta parceria.

REUNIAO14052018 (52)Mostrando ótima forma, após vitória recente, Orquídea Branca emplacou o replay, com autoridade. A tordilha de Virgilio Sergio de Souza acompanhou de perto a ponteira Florida Royalty e na reta executou o serviço. Muito bom o preparo de José Carlos Oliveira e a direção de Bruno Queiroz. Orizona ocupou a segunda colocação.

REUNIAO14052018 (73)Mesmo acossado por Knight Of Roderic desde a partida, Sweet Barbarian largou na frente e não deixou a primeira posição escapar, mostrando ótimo estado. O alazão do Stud Enfant Gaté conta com o preparo excelente de José Ferreira dos Reis. Direção no capricho de Carlos Lavor. Furia Indomita veio de longe para tomar o segundo lugar de Frombrauge.

REUNIAO14052018 (79)Em carreira das mais equilibradas da reunião, Look gostou da enturmação e conseguiu suplantar seus adversários, em final escamado. Taxista e Bate Um Bolão chegaram na sequência. Mais uma vez, Bruno Queiroz esteve perfeito na condução do ganhador, de propriedade para o Stud Suellen e Glória, treinado por José Ferreira dos Reis.

REUNIAO14052018 (93)Após excelente participação no “Páreo Cavalinhos do Fantástico”, em que foi quarto colocado, mesmo largando pela baliza 18, Chico Bento não teve dificuldade em bater seus rivais e encerrar com mais uma vitória de Bruno Queiroz a reunião de segunda-feira no prado fluminense. O cavalo do Stud Ni Wanango (em sua segunda conquista na reunião) tem o preparo do consagrado Venâncio Nahid. Carpaccio atropelou forte para superar Devoto, que ponteou desde a largada, na briga pelo segundo lugar.

TERÇA-FEIRA (15.05.2018)

REUNIAO1505 (2)Chamigo aproveitou-se do ritmo forte imposto por Lanterna Verde e Captain kalu para suplantar os rivais e abrir a reunião de terça-feira com mais uma vitória para o aprendiz Bruno Queiroz. Treinamento de Daniel Lopes no cavalo do Stud Golden Horses. Lanterna Verde aprovou a redução para a variante e fez animador segundo.

REUNIAO1505 (11)Noble Wells veio ao claiming e fez o serviço completo, venceu e foi negociado para o turfe paranaense. De ponta a ponta, o animal de José Manuel Perez Diaz mostrou sobras na parceria. Carlos Lavor e Julio Cezar Sampaio formam dupla entrosada e mostraram isso mais uma vez. Fertilita saiu dos últimos postos para formar a exata.

REUNIAO1505 (17)Reaparecendo no capricho de Cosme Morgado Neto, a ótima Ishvara atropelou com disposição para derrotar seus rivais e colocar a sétima conquista no seu turf-record. Luan Silva Machado deu excelente direção na égua do Stud Pocotinha. Shinkansen, mais uma vez, ficou com a segunda colocação.

REUNIAO1505 (27)Maior favorito do dia, New Begin perdeu na partida, quando empinou e largou com três corpos de atraso. Colocado em carraira por seu piloto, ponteou e ainda deu pinta de vencer. Todavia, nos metros decisivos, a má largada cobrou seu preço e New Begin diminuiu o ritmo. Com isso, Amigo Purse apareceu forte para emplacar pule de 50/1. Adílton Marques da Silva ainda teve tempo de cruzar o disco comemorando no dorso do potro de Victor de Mello Gomes, treinado por José Carlos Oliveira.

REUNIAO1505 (33)Um verdadeiro galope de saúde de Last Hope no Clássico Much Better (L.). A carreira, atração central da noturna desta terça-feira15 de maio, no Hipódromo da Gávea, foi realizada em 2.100 metros, pista de areia macia e homenageou o sensacional animal criado pelo Haras J.B.Barros, que nas pistas defendeu o Stud TNT e venceu as maiores provas do turfe sul-americano.

Last Hope já entrou na reta dominando o ponteiro Valente Duque. Valdinei Gil olhava para trás e esperava o máximo para dar a partida. Quando sentiu o tropel de Céu de Brigadeiro, que assumiu francamente a segunda posição, solicitado por seu jóquei, Last Hope abriu luz para o disco, passando na frente com confortáveis 3 ¼ corpos sobre Namur, que correu bem, mesmo sem Lasix. Céu de Brigadeiro (que fez importante teste para o GP Brasil) terminou em terceiro com Liberado e Lasting Colony no complemento do marcador.

REUNIAO1505 (35)Preparado pela fera Julio Cezar Sampaio no CT Dedo de Deus, Last Hope é um 5 anos, filho de Distorted Humor e West Hope, por Crimson Tide, de criação e propriedade da Coudelaria Jéssica. Na sua décima vitória – a segunda nobre, a outra no GP Salgado Filho (G3), Last Hope parou os cronômetros em 2min16s20.

REUNIAO1505 (47)Gala Tango pulou limpo na frente, floreou à vontade e teve fôlego para resistir aos adversários e passar o espelho na frente. Anderson Paiva, em outra oportunidade, não jogou boa montaria fora. Treinamento de Antônio Ricardo Silva no cavalo da Coudelaria Brada. Daraoun veio aberto para formar a exata. Favorito, Mr. Hobbit figurou na primeira parte e apagou-se por total na reta final.

REUNIAO1505 (52)Na terceira vitória de Julio Cezar Sampaio em três páreos que teve animais anotados, Kim Boy largou e tocou o hino. Do partidor ao disco, o alazão do Stud Dom Luluca, montado por Waldomiro Blandi, foi inalcançável, como bem diz o locutor do Cristal, Airton Barnasque. Fiel Depositario ficou em segundo, impedindo a dobrada com Pif-Paf de Birigui, o terceiro.

REUNIAO1505 (62)Pilotando Very Best Friend, do Stud Sulino, treinada por Ivan Jeronimo, Leandro Henrique marcou importante ponto na estatística, uma vez que substituiu Vagner Borges (o líder) no dorso da ganhadora. O pernambucano mostrou a conhecida energia para ajudar Very Best Friend a superar Quadrática, que fez segundo em ótima performance. Favorita, Radical não correu na frente e, mesmo no claiming, não conseguiu se impor.

REUNIAO1505 (70)Mantida por Bernardo Pinheiro próxima aos ponteiros, Meia Lua apareceu no momento certo para dar o bote no favorito Candieiro, que ficou com o segundo posto, e encerrar com mais uma pule boa a semana de turfe no prado carioca. Ivan Brasiliense apresentou com esmero a égua de Maria Terezinha Lins de Mattos.

por Fernando Lopes – fotos: Sylvio Rondinelli

Gostou da notícia? Compartilhe!